sexta-feira, 16 de março de 2012

m♥

Será que não há mesmo volta a dar? Eu sei que digo que já estou convencida disso e aparento estar, deixei-me de choros à frente das pessoas. Mas lá no fundo, uma pequena esperança surge... Será que não dá mesmo? Será que daqui a uns tempos não terás saudades minhas, saudades de quando estávamos juntos, saudades de tudo? Eu sei o que disseste, eu sei que nem quiseste acabar tudo pessoalmente e foi apenas: "somos diferentes, não fomos feitos para estarmos juntos", mas... não é isso que me faz gostar menos de ti, adorar estar contigo, fazes-me sentir feliz, mas também não posso pensar só em mim, e tenho consciência de que se estás melhor assim, é assim que devemos continuar.. mas lá está a pequena esperança.. um dia não mudarás de ideias?
Esta semana andei a convencer-me de que estava bem, de que não "precisava" de ti, mas hoje vi-te, de longe, mas vi... e senti uma enorme vontade de estar contigo, de te abraçar, e visto que não podia, essa vontade foi substituida por uma vontade de chorar. Se te sufoquei, se te levei ao limite? Só me resta pedir desculpa, não posso voltar atrás, mas se começassemos novamente, iria ter mais calma, e faria as coisas de modo diferente, isso é certo.
Fico feliz por uma coisa, ao menos continuamos a falar, até agora pelo menos, e ainda há pouco tivemos uma conversa, que posso considerar longa, o que me deixou feliz, não posso negar, e vendo bem, estas conversas de amigos são agradáveis, embora nós antes também as tivessemos.
Só espero que tudo melhore, e que se não der mesmoo para voltar (ok não dá! tenho que deixar esta esperança de parte!) , te esqueça e a amizade continue, porque sim, neste momento somos amigos, senão não teriamos tido a conversa que tivemos.



(Tenho saudades de estar contigo M.)♥

Sem comentários:

Enviar um comentário