terça-feira, 4 de setembro de 2012

Ainda tu..

Ora bem, no último post falei das saudades que sinto... Mas uma coisa é certa, sinto muita coisa, sinto um remoinho de sensações e sentimentos. Quando te vejo, só quero que saias do meu ângulo de visão, pois irrita-me o facto de me ignoras, parece que apenas a tua presença por si só irrita-me, e o que me irrita ainda mais é falares com as minhas amigas na boa, como se fosse para me provocar. Ou seja, quando não te vejo,  sinto saudades daquilo tudo, e gostava que te arrependesses de ter deixado de falar, e tentasses remediar a situação, quando te vejo, dá-me vontade de te dar uma chapada para ver se acordas para a vida, e de te mandar embora do sítio onde estou. Sou complicada e indecisa, eu sei. Mas tu também não tens tido as melhores atitudes do mundo.

Sem comentários:

Enviar um comentário