terça-feira, 22 de janeiro de 2013

*das coisinhas que eu encontro no google :b

“Cada um tem o seu processo de crescimento. O meu foi (e ainda está a ser) um pouco demorado. Pensei que minha vida seria todinha programada.... Eu pensava, tolice pura, que o amor era a solução para todos os meus problemas. Quem está sozinho sempre acha que um amor resolve tudo.... O amor é uma dádiva, acredito nisso, ele vem para quem está preparado, para quem já sofreu por quase-ex-amores, por quem conseguiu promover o grande encontro consigo mesmo. Mas um amor não resolve a vida. Ele ajuda a gente a resolver a vida, a se entender, a compreender melhor como funciona o mundo e nossos sentimentos mais adormecidos. Minha vida tem sido uma grande - e deliciosa - surpresa. Nada do que planeei de fato aconteceu.... Não podemos planear tanto. É a vier que aprendemos.... E demorou mais um tanto para eu aprender que nunca vou me entender por inteiro. A gente é uma mistura de interrogação com reticências: estamos sempre questionando e fazendo a nossa história.”

Sem comentários:

Enviar um comentário