domingo, 26 de janeiro de 2014

Às vezes é melhor morrer do que ficar a sofrer, e era assim que estavas já há meses. Ultimamente então..num estado horrível, deu-me tanta impressão ver-te naquela cama de hospital com aquele ar perdido e doente, foi uma sensação horrível..
 Acho mesmo que foi melhor assim, agora não estás a sofrer. Eras um resmungão, mas claro, como tua neta, gostava de ti.
Espero um dia dar-te motivos de orgulho, mesmo sabendo que não vais ver.
Este é um texto breve, mas o que mais tinha a escrever era no sábado, quando soube da tua partida, logo pela manhã quando acordei, agora estou calma. Não sei se ainda não caí bem em mim, ou se já estava mesmo à espera e o choque não foi tão grande.
 Descansa em Paz, Avô M.

Sem comentários:

Enviar um comentário